Facebook RSS
Home Automóveis Mercedes-Benz pretende produzir cupê 4 portas ou SUV compacto no Brasil
formats

Mercedes-Benz pretende produzir cupê 4 portas ou SUV compacto no Brasil

Uma das metas da Mercedes-Benz é conquistar a liderança global do segmento de veículos premium. Para alcançar sua meta o seu primeiro passo será  investir fortemente em uma plataforma para carros compactos. Segundo Dieter Zetsche, presidente mundial da Mercedes Benz, a marca está carente deste tipo de produto em seu portifólio, assim como falta um SUV compacto, pois todos os concorrentes possuem esses modelos. Ele participou de uma conversa com 20 jornalistas de todo o mundo, entre eles dois brasileiros.

Inicialmente o investimento mais forte da montadora é no mercado chinês que, que para a marca, é o terceiro maior, atrás de Alemanha e EUA, porém o Brasil começa a ganhar mais peso na estratégia. O novo regime automotivo tem grande influência nessa questão, a novidade que está para ser anunciada pelo governo federal e força as montadoras a produzir localmente para ter incentivo fiscal. Além disso, uma de suas principais concorrentes, BMW, estuda começar a produzir no país. Os planos estão aguardando as novas regras para as montadoras no Brasil para serem colocados em prática.

Aqui no Brasil a produção da Mercedes está restrita a caminhões e ônibus, nas plantas de São Bernardo do Campo (SP) e Juiz de Fora (MG). Ela chegou a fabricar alguns modelos de carros entre o fim dos anos 90 até poucos anos atrás na cidade de Juiz de Fora.

Novo modelo que virá para o Brasil Mercedes Benz CLA cupê 4 portas.

Numa eventual retomada dessa atividade no país, entre os modelos que terão prioridade está a produção do novo cupê 4 portas CLA, que ainda aparece como protótipo em Paris, mas terá a versão final apresentada em Detroit, em janeiro, ou um SUV compacto, ainda sem nome.

Segundo o vice-presidente mundial de marketing e produto da marca, Philippe Schimer, a chance de ser um SUV compacto é maior, por causa do volume previsto de vendas, que a Mercedes não revela.

Independente de a fábrica iniciar a produção de automóveis Mercedes Benz , os dois modelos serão vendidos no Brasil, entre o fim de 2014 e começo de 2015. Eles completarão a linha mais jovem da marca com o novo Classe B, que estreou no Brasil, além do novo Classe A, já confirmado para o país, mas sem data de estreia.

A meta mundial da Mercedes Benz é lançar 10 modelos até 2015 e renovar a marca, além de ampliar a faixa de clientes, concentrando-se especialmente na linha Classe C. A linha de esportivos também ganhará um carro menor, porém seu nome ainda não foi definido, o modelo já é apelidado de “baby SLS“. Além disso, também está entre as novidades esperadas aqui no mercado brasileiro, o novo station wagon baseado no Shooting Brake, que também esteve presente em Paris.

SLS AMG Coupé Electric Drive, o carro elétrico da Mercedes Benz.

Zetsche voltou a afirmar que a Mercedes vai investir ainda mais em matrizes energéticas alternativas, ou seja, em carros “verdes”. No Salão, a montadora também exibiu uma versão elétrica conceitual do Classe B, e a versão de produção do SLS AMG Coupé Electric Drive, esportivo com as famosas portas asa de gaivota. Ele já apresenta a mesma grade frontal que estreou na nova geração do Classe A, no Salão de Genebra, em março passado.

Dentro dele estão 4 motores que, juntos, desenvolvem até 750 cavalos, o que o torna o carro elétrico mais potente já produzido em série. Segundo informações da Mercedes Benz, o modelo é capaz de ir de 0 a 100 km/h em 3,9 segundos. E a máquina deverá ser colocada à venda, em edição limitada, por um valor que deve chegar a quase meio milhão de euros.

Para ler mais notícias, clique em  blog.minasmaquinasautomoveis.com.br . Informações sobre a Minasmáquinas Automóveis visite nosso site. Siga-nos no Twitter e Facebook .

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *